Rali Casinos do Algarve
Super User

Rali Casinos do Algarve

Podem continuar a fazer chover no molhado... 

...que de molhado não passa o chão 

Podem falar, gritar, criticar ou até injuriar.... 

...que só as críticas construtivas terão o mérito de mudar ideias e comportamentos... 

E apesar de tudo, e enquanto me for possível, com mais ou menos "novelas" pelo meio, continuarei a emitir a minha opinião e a tentar fazer passar a minha mensagem até que a voz me doa.... 

Não que eu possa beneficiar disso em proveito próprio.... 

...já não passo de um apaixonado homem de 57 anos que um dia teve um sonho.... 

... e que por vezes esteve perto de tocar o intocável.... 

Mais perto do que alguns que o tocaram sem perceber que o fizeram... 

Os que começaram comigo, já desistiram, já mudaram de clube e alguns até já morreram 

Dos que começaram comigo... resto eu... 

Dos que começaram comigo, resta a saudade de um desporto diferente, feito de forma diferente, visto de forma diferente e dirigido de forma muito diferente... 

Estará certamente ainda para nascer, quem,  contra tudo e contra todos, abraçou incondicionalmente, com ou sem apoios, e quando  os teve foi sempre de uma forma muito  modesta, o desporto automóvel em Portugal na sua disciplina de Ralis.... 

E deste modo, é difícil ler opiniões e comentários, de quem nunca pela certa sentou num carro de competição, e o mais perto que esteve disso foi no sofá a jogar playstation, afirmar de peito cheio, que se não estamos satisfeitos com o panorama desportivo nacional, o melhor é não participar... 

Se não temos pão à nossa mesa o melhor é não comer....e sentado esperar que tudo aconteça... 

...típico da "geração á rasca"... 

É triste sentir que alguém ainda pense que existem interesses económicos ou negociatas por detrás das nossas participações, ou alguns lobys de interesses escondidos na procura de potes de ouro em arco-iris imaginários ou em busca de cadeiras de poder.... 

Ainda há que não tenha entendido, que um homem de 57 anos que em 2007, que ao fim de mais de 30 anos ininterruptos, resolveu desistir de  participar na competição automóvel, e que não conseguiu estar afastado mais de dois anos, resolveu voltar esporadicamente em duas ou três provas do Campeonato de Portugal de Ralis,  com o carro menos competitivo do panorama desportivo nacional, só o faz por amor a este desporto que cada vez mais se vai esfumando de qualidade...como areia por entre os dedos de uma criança na praia.

E este homem não procura mais nada... 

Ele já tem tudo... 

Não procura vitórias, não procura notoriedade, não procura protagonismo.... ...procura apenas continuar  a fazer e a participar na sua paixão.

As vitórias...são para os eleitos, os predestinados ou quem teve a sorte de estar no sítio certo e na hora certa. 

A notoriedade e o protagonismo foi sempre obtida através de jogos de interesse e poder, dos quais sempre nos procurámos manter afastados... 

Este homem já tem tudo, essencialmente porque teve a rara oportunidade na vida de poder fazer, embora duma forma totalmente amadora, o que mais gosta... 

Este homem já tem tudo, porque conseguiu ao longo do tempo ganhar sempre o respeito e  a amizade daqueles que mais ou menos de perto o puderam conhecer... 

Este homem já tem tudo, porque nunca quis ter mais do que a vida lhe podia dar....  ...e disso não se pode queixar!!! 

Agora a história que deixamos escrita em cada participação do nosso querer e vontade, nunca será apagada por muito forte que algumas vontades o desejem... 

E é verdade...temos escrito história... 

E esta a verdade e a "forma diferente e estar por dentro" 

Temos mais provas participadas, temos mais quilómetros de classificativas, mais especiais disputadas e mais de tudo do que jamais alguém teve a nível do campeonato maior de ralis em 

Portugal... 

Temos muitos amigos, temos muitos seguidores das nossas ideias e dos nossos ideais, mas também temos quem contra nós tenha todas as armas apontadas como se algum perigo pudesse vir do nosso lado... que receais? 

Ser 4º da geral....e há que continuar a tentar para estar nos três primeiros...claro que sim... 

Ganhar o Grupo N numa prova do Campeonato de Portugal de Ralis... ...que orgulho ter podido estar no sítio certo e na hora certa... finalmente.... ...e que ninguém possa dizer que este resultado foi por isto ou por aquilo e porque só eram.... 

Ganhámos porque estávamos lá....com o nosso empenho, o nosso desejo e a nossa vontade, que nem o facto de fazer as três primeiras especiais sem direção assistida nos pode demover... 

Estávamos lá para sermos 4º da geral 1º do Grupo N e 1º da Classe 3.... 

E foi só por estarmos lá que o conseguimos... ...porque quem não esteve, não o pode conseguir.... 

E faz-me lembrar a história do homem que sempre se queixava que nada lhe saia na lotaria e que reclamava com as mãos postas para o céu o seu eterno azar... ...até que um dia no decorrer de uma das suas preces, uma voz vinda não se sabe de onde, lhe disse...."ao menos compra uma cautela....." 

E é com mais este resultado que escrevemos mais uma página da nossa já longa história... 

Por certo já não estarei cá para ver os jovens e talentosos pilotos de agora, daqui a 30 anos escreverem estes feitos no automobilismo Nacional.... 

...mas gostava de ver por andarão os campeões de agora... ... daqui a 30 anos...a fazer Ralis do Nacional??? ...não me parece...quanto mais a ganhar  Grupo N... 

Esta sim, foi uma prenda antecipada de Natal...

Mais uma vez para a Modifusão, Total, Kumho Tyres, Gamel, Pró Fresco, Rectometal, Lisborda, 

Estorcasa e  VJPR Auto, um obrigado sentido, pois nada era possível sem o vosso apoio e a vossa amizade, e é  para voçês que vai a conquista desta vitória... 

...Para nós, para mim, para o meu navegador, sócio  e amigo Joaquim Batalha, para o empenho de todos os elementos da Calisto Corse Equipe e da Inside Motor - o Luis, o Fábio e  o Francisco e para todos os nossos amigos e apoiantes um abraço fechado e carinhoso...  

E no final de mais um ano, ainda uma palavra para  o Paulo e o seu indispensável ralis.online, porque sem ele, meus amigos, o automobilismo de competição e os ralis ficariam por certo ainda mais às escuras do que já estão... Parabéns. 

E, se houver Ralis em 2013, que este seja um ano de mudança e de sorte para todos nós... 

Alguma coisa tem de ser feita.... 

Senão nem com memorandos de entendimento..... 

E que Deus nos ajude....